• Ana Margonato

Blog de maternidade que fala sobre comida política?

Atualizado: 16 de mar. de 2021


Sempre me perguntam porque sempre associo falar de maternidade e alimentação acessível. Minha resposta é simples. Falar sobre maternidade é falar sobre alimentação e não tem como falar sobre esse segundo tópico sem pontuar a acessibilidade de cada família e o quão isso afeta à vida de todos.


Alimentação acessível é política, e não conheço assunto mais entrelaçado com a política do que a maternidade. Ambos são temas que deixam bem claro as desigualdades sociais do nosso país e o quão as pessoas (em especial as crianças) são afetadas pelo acesso aos benefícios da maternidade e alimentação de qualidade.


É preciso acesso a muitos direitos para exercer um maternar de qualidade, assim como para uma alimentação digna também. Ambos pontos estão interligados ao acesso à informação, poder aquisitivo e de escolha.


Não à toa, as maiores taxas de desnutrição infantil ocorrem em sua maioria em crianças que estão à margem da sociedade, vivendo uma infância negligenciada em inúmeros aspectos.


Falar sobre alimentação acessível, formas de não gerar desperdício, informações relevantes sobre algum alimento etc são para mim, parte integrante do meu maternar. Ensinar uma criança a entender o que come, de onde vem e como a sociedade como um todo acessa os alimentos é ensinar política e, convenhamos dizer que vivemos tempos em que é de extrema importância ensinar tal matéria aos pequenos.


Comida e maternidade são política, ambos assuntos que propositalmente são facilmente esquecidos e negligenciados sem que haja qualquer importância ou urgência, tendo como pano de fundo uma indústria toda voltada ao consumo extremo, no qual estar consciente do seu papel nessa história é certamente algo que não desejam.


Entender de onde vem o que comemos assim como de onde vem a construção da mãe angelical e passiva é um caminho sem volta, no qual só tem o ir pra frente, na fuga constante da opressão.


São muitos pontos, eu sei, falar sobre a desconstrução do ideal de alimentação saudável e acessível é assunto longo, que requer muitos tópicos. Sobre a maternidade então, são tantos temas que já fico muito animada só de pensar nos textos bacanas que virão!


Esse texto é somente uma breve introdução, apenas para dizer que maternidade e comida política não só são assuntos similares, como se complementam, igual feijão com arroz.






6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo